domingo, 10 de agosto de 2014

Dissertando feelings...

Como se expor os sentimentos fosse a coisa mais fácil do mundo?
Como se falar dos sentimentos fosse tão simples, quanto falar sobre qualquer outro assunto?
Como se colocar um fone, aumentar o som, amenizasse sua dor?
Como se tomar um porre, fizesse esquecer tudo o que está sentindo?
Como se uma vingança, fizesse te sentir melhor?
Como se comprar um shopping inteiro, aumentasse sua auto-estima?
Como se cortar os pulsos e ingerir um monte de remédios te levasse ao óbito?


Sentimento sem sentido, que dentro de meu peito tenho.
Sentimento perdido.
Sentimento sem sentido, que nem eu mesma entendo.
Sinto que a qualquer momento algum sentido fará de fora pra dentro.
Devaneio sem consenso.

Realmente, colocar sentimentos em palavras é um dom para os poetas.
Literalmente, escrever sentimentos, é um dom para os romancistas.
Porque como se escrever,  algo com sentido sem saber o que está sentindo fosse a coisa mais fácil do mundo.


Talvez, tudo isso faça sentido ou não.






sábado, 9 de agosto de 2014

Monte Fuji

Oi gente!!  Blog as moscas rsrs, estou de volta!!!

Descobri uma outra paixão além da dança do ventre ...  Fotografia ❤

Monte Fuji,  quase todos o conhecem, ou pelo menos já ouviram falar, mas acreditem, por incrível que pareça têm japonês que não conhece e nem sabe que existe!

O Fuji-san como é de costume o chamarmos é um vulcão ativo localizado entre as províncias de Yamanashi e Shizuoka, está adormecido à mais de 300 anos. 
Pelas pesquisas, o Fuji-san está em estado crítico, devido ao grande terremoto que ocorreu em 2011 na região de Tohoku.


Enfim, o perigo existe e todo cuidado é pouco, mas sejamos positivos!!

O Fuji-san é muito belo, eu particularmente adoro ir no Kawaguchi Lake, para ficar admirando a paisagem e aproveito para clicar, esse monumento maravilhoso da natureza!!

Aqui estão algumas das minhas fotos!!

Espero que gostem!!!!!!

E para quem tem instagram o meu é  @october23leena para quem quiser, follow me!! ;)

domingo, 17 de março de 2013

A era digital... é bem por aí ne gente?





Esta tirinha é só uma brincadeira, mas toda brincadeira tem no fundo uma verdade...
Esses tipos de distrações tem roubado cada vez mais o nosso tempo e se pararmos para pensar, não é só isso que é tirado de nós. Sem perceber, perdemos amizades, amores, momentos, oportunidades, fases únicas da vida que poderiam ser vivenciadas e que deixamos no esquecimento por estarmos tão fora da realidade. 
A internet virou um vício e como todo vício, faz mal. Faz mal ao corpo e a mente, passamos horas em frente de computadores, tablets, iphones e ''esquecemos da vida''...
 A internet quando bem usada é extremamente divertida, proveitosa e educativa mas quando não, ela suga o seu cérebro. Então, bora também aproveitar mais a vida gente, aproveitar mais as pessoas que estão do seu lado, aproveitar mais as coisas simples e belas da natureza... Bora curtir mais os momentos reais, uma boa conversa em um bar, um restaurante ou em qualquer outro lugar com os amigos, ler um livro, ter algum hobby, como praticar algum esporte, dançar, cantar, pintar, cozinhar, bordar, etc...  Enfim,  o tempo é precioso demais para desperdiçá-lo com distrações, nosso cérebro é a máquina humana mais sensacional que existe, não vamos danificá-la pelo contrário, vamos aperfeiçoá-la cada vez mais buscando sempre aprendizado e conhecimento! ;)


Laressa Ribeiro

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Inspiração, vem em mim que hoje eu quero lhe usar!!!

Inspiração... 
                                                                     

Ela não é daquelas que chega como quem não quer nada... Ela chega, invade sua mente e toma posse dos seus pensamentos.
Mas afinal, de onde ela vem? Por que ela vem? O que nos faz ficar inspirada?
Descobri que quando estamos de TPM a inspiração sempre vem nos fazer uma visita, muitas vezes esquecemos de abrir a porta para ela entrar...
Ficamos com os nervos à flor da pele e sentimos uma extrema necessidade de escrever, deixamos de ser racionais, as emoções tomam conta de nossos pensamentos, uma vontade inexplicável de expressar  os sentimentos vem e quando menos esperamos a Inspiração inunda nossa alma com idéias... Criamos, escrevemos, construímos coisas incríveis!!
Há quem diga "Inspiração vem dos outros, motivação está dentro de nós", concordo plenamente mas,
Inspiração e Motivação querendo ou não elas estão sempre juntas e uma completa a outra...Onde não há inspiração não há motivação e sem motivação não há inspiração...





Minha Inspiração surge de uma mistura de sentimentos intensos, muitas das vezes acabo perdida em meus devaneios... Meus pensamentos oscilam a cada instante, eu apenas sinto e entrego-me a esta ansiedade de desejo ideal em busca da palavra.



segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Conversa sem Rodeio!: Complexidade Minha

Por Aline Zaniboni
Conversa sem Rodeio!: Complexidade Minha: Dessa vez não vou evitar dizer o que está na minha cabeça só porque eu sei que minha mente geminiana vai negar no dia seguinte, não fugir...

domingo, 9 de dezembro de 2012

Uma verdade a ser dita... Detesto mentiras...

Sinto pena...
Por que algumas pessoas mentem descaradamente sem nenhum remorso!? Como conseguem fazer isso com tanta naturalidade!?São tantos os absurdos que eu escuto que chega uma hora que eu não consigo nem sentir raiva da pessoa e sim pena.As pessoas estão tão acostumadas a contar mentiras uma atrás da outra que elas mesmas se ludibriam com suas persuasões falsas.Defino como falta de amor próprio, falta de caráter, pessoas recaldadas e indolentes...Sua índole deixa de existir está inerte, rumo ao óbito.

Psicologia



Acho que a psicologia deveria Ser ensinada logo no primário, assim desde cedo o ser humano aprende a se relacionar e a compreender mais uns aos outros... 
A vida não é fácil pra ninguém, todos nós passamos por momentos conturbados, momentos felizes, momentos únicos e marcantes, momentos inesquecíveis... 
Assim o ser humano aprende a dar mais valor as pessoas e entende que o que mais vale a pena é ter um bom relacionamento com todas as pessoas...
Desta vida não levaremos nada 

além do sentimento e aprendizado... O consumismo e o materialismo são como drogas, nos dão prazer mas isso é temporário, pois o efeito passa e nos sentimos vazios...
Antes de mais nada precisamos nos compreender para depois tentarmos entender as pessoas...
Acredito que a verdadeira essência está em fazer as pessoas felizes... Amando-as, respeitando-as, ensinando-as com muita solidariedade e humildade.